quarta-feira, novembro 11, 2009

Filme do dia: «Bright Star»


Filme do dia: «Bright Star»
A vida e amores do poeta John Keats estão no centro do novo filme de Jane Campion, a realizadora neo-zelandesa que maravilhou o mundo com «O Piano».

Londres 1818: começo de um caso amoroso entre o poeta inglês John Keats, na altura com 23 anos, e Fanny Brawe, uma estudante expansiva sua vizinha. Irremediavelmente e intensamente envolvidos um com o outro, o jovem par amoroso embrenhou-se em sensações novas e muito poderosas, «Tenho a impressão de que me estou a dissolver», escreveu Keats a Fanny. Juntos navegaram por ondas de obsessão romântica, que se tornaram mais profundas à medida que os seus problemas aumentaram. Apenas a doença de Keats provou ser intransponível.
Os três últimos anos de vida do poeta britânico John Keats são vertidos para cinema em «Bright Star», o mais recente filme de Jane Campion, que já não assinava uma película desde «In the Cut - Atracção Perigosa», em 2003. A cineasta oscarizada por «O Piano» apresentou este filme pela primeira vez na Competição Oficial do último Festival de Cannes.

FONTE (foto incluída): http://cinema.sapo.pt/

2 comentários:

  1. Olá. Estou visitando, decide comentar.
    Nossa, seu blog é pura arte.
    Gostei, porisso parei.

    Bjo.

    ResponderExcluir