terça-feira, maio 26, 2009

POR AMOR - Maria de Fatima Delfina de Moraes


POR AMOR
Maria de Fatima Delfina de Moraes

Entreguei o meu corpo, a alma, o espírito, o encanto.
O meu coração frágil, entreguei em tuas mãos.
Eu quero viver a magia na passagem que faço nesta vida de lutas.

Quero escrever em minha história, um momento de paixão.

Eu quero a paixão louca que no auge do desejo,
tua sôfrega boca me consuma no beijo.

Eu te quero assim como és: tímido por fora,
insano amante no momento do encanto,
no encontro de almas apaixonadas.

Eu quero o teu amor insensato
fervilhando o meu sangue,
inflamando minhas veias,
desatinando-me inteira.

Por amor, tento suportar teus ciúmes,
fantasmas que te perseguem
e que em verdade não existem.

Por amor, farei de ti minha história, marcando-a com amor e glória.
E se eu morrer, que seja de paixão, que seja por amor.

copyright 2009
***

5 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. Serás muito benvindo, sempre! Juntar, ou mesmo intercalar, paixões é algo difícil: blogue legal! até a próxima!

    ResponderExcluir
  4. Forte!
    Efemero?

    Beijos,
    Mai

    ResponderExcluir
  5. Olá Domingos,
    Obrigada pela visita e comentário no meu blog.
    fique a vontade para comentar.
    Abraços,
    Cíntia.

    ResponderExcluir